HQ* - CINE QUADRINHOS - Gold West Comics - Nº 02 - 2018 - c/Kirk Douglas, Tony Curtis e Janet Leigh - "Vikings, os Conquistadores"

HQ* - CINE QUADRINHOS - Gold West Comics - Nº 02 - 2018 - c/Kirk Douglas, Tony Curtis e Janet Leigh - "Vikings, os Conquistadores"

HQ* - Histórias em Quadrinhos -

CINE QUADRINHOS - nº 02 - 2018 - Gold West Comics - Como se vê é o segundo número, março/2018, do gibi lançado - uma gratíssima surpresa - em 2017, com a proposta de republicar filmes quadrinizados nas décadas de 1950 e 60. (O primeiro número é um filme de Rocky Lane - O Rancho da Discórdia, setembro/2017). Um projeto de Primaggio Mantovi, ilustrador e quadrinista italiano, radicado no Brasil, e que vem lutando arduamente para manter viva a memória de nossos gibis.

Tenho inúmeros gibis por ele produzidos, já publicados neste site, todos eles de comprovada qualidade e editados com enorme zelo e cuidado com detalhes. Seu projeto resgata imagens perdidas no tempo, muitas delas de grandes ilustradores, como é o caso do gibi aqui abordado, cujos desenhos são - nada mais nada menos - de John Buscema, ou seja, o conhecidíssimo gênio norte-americano dos quadrinhos, com ilustrações em preto-e-branco de altíssima qualidade técnica. O gibi aqui abordado é realmente primoroso.

O gibi repete exatamente o mesmo trabalho publicado pelo gibi Cinemin - nº 89, da Ebal, de fevereiro/1959, que já havia sido publicado nos USA, pela Dell, no gibi Movie Classic nº 910.  

O filme abordado, "Vikings, os Conquistadores - The Vikings", de 1958, foi dirigido por Richard Fleischer, numa produção de Kirk Douglas (via sua empresa Bryna Produções) que desempenhou o principal papel, acompanhado de Tony Curtis, Janet Leigh e Ernest Borgnine

É uma história vigorosa, mostrando, com muita fidedignidade, as disputas e intrigas envolvendo a corte inglesa, no confronto com o considerado "selvagem" povo nórdico. As cenas de batalha são de altíssima qualidade, estando no mesmo patamar, tanto a fotografia quanto a música do filme. Ambas de elevado nível. Este filme levou muita gente aos cinemas, talvez pela propaganda boca-a-boca, as imagens são lindíssimas e o tema "vikings" era pouco comum à época, despertando muita curiosidade.

Kirk Douglas estava no auge de sua carreira, colecionando inúmeros sucessos no cinema, principalmente na década de 1950, trabalhando exaustivamente. Seu rico curriculum ostentava, entre outros, filmes do quilate de: O Invencível, 1949, de Mark Robson; Embrutecidos pela Violência, 1951, de Raoul Walsh;  Chaga de Fogo, 1951, de Billy Wilder; A Montanha dos Sete Abutres, 1951, de William Wyler; O Rio da Aventura, 1952, de Howard Hawks; 20.000 Léguas Submarinas, 1954, de Richard Fleischer; Ulysses, 1954, de Mario Camerini;  Homem sem Rumo, 1955, de King Vidor; Sede de Viver, 1956, de Vincente Minnelli  Sem Lei e Sem Alma, 1957, de John Sturges; e Glória Feita de Sangue, 1957, de Stanley Kubrick. 

Ainda viriam outros grandes filmes nos anos seguintes, entre eles: Duelo de Titãs (penso que é seu melhor western); Spartacus (sua maior glória); O Último Por do Sol (onde rouba a cena como um bandido) e Sua Última Façanha (vejo como seu melhor desempenho no cinema, simplesmente fantástico !!! ).

 
Uma cena de "The Vikings", com Kirk Douglas
E Janet Leigh na capa de um "book" promocional da época (1958)
Douglas - https://www.interfilmes.com
Janet Leigh - https://www.worthpoint.com
 

Transcrevo a seguir, parte do texto de apresentação do gibi, página 3, que resume as explicações sobre o filme, hoje um clássico:

......................

 

"Os exteriores foram rodados em lugares autênticos na Noruega e na costa da Bretanha, e as embarcações eram réplicas idênticas àquelas expostas no Museu Viking de Oslo. A sequência que mostra a invasão da Inglaterra foi filmada na França, no Fort La Totte (vide imagem na 4ª capa) edificação do Século X, por estar em melhores condições do que os castelos britânicos. Todo esse cuidado visual permanece preservado na fotografia primorosa de Jack Cardiff, mestre inglês do Technicolor, tanto assim que ele conquistou um prêmio especial da Academia. The Viking é, ainda hoje, um dos filmes preferidos do próprio Kirk Douglas".

......................

 

Enfim, o gibi original estará completando 60 anos em 2019, apenas um ano depois da edição por Primaggio de um novo gibi, mas utilizando papel e recursos gráficos evidentemente melhores, com um excelente resultado.

Fica, portanto, o registro da admiração deste site pelo trabalho realizado por Primaggio Mantovi em prol da preservação da memória de nossos gibis

É um belíssimo gibi !!! À altura do excelente filme !!!

Parabéns, Primaggio !!!

 
 
Obs.: Caso queiram fazer contato com Primaggio, eis seu e-mail: primaggio@gmail.com

 

- Abaixo as belas imagens da 4a. capa do gibi

Gibi de minha gibiteca: https://70-anos-de-gibis.webnode.com 

 

 

Matéria produzida em 2018, revista em 2020.